“Corre, se não o Leão vai te pegar”!

Pois é, 2019 chegou e o imposto de renda 2019 tem que estar pronto para ser enviado em breve!

Nessa segunda-feira, dia 25/02/2019 a Receita Federal Brasileira liberou o programa do IR 2019, referente ao ano base de 2018.

Os envios do Imposto de Renda de 2019 se iniciam de 7 de março, até 30 de abril e como você sabe, a correria fica grande e não se pode perder tempo, já que os escritórios de contabilidade ficam superlotados de demandas para declaração do imposto de renda do ano vigente.  

E quem precisa declarar o Imposto de Renda em 2019?

Os critérios exigidos pelo Governo sobre a declaração do imposto de renda, é para todo aquele que recebeu rendimentos tributáveis acima de 28 mil em 2018.

Além disso, os indivíduos que precisam declarar imposto de renda se enquadram nas demais descrições abaixo:

  • Contribuintes que receberam rendimentos não-tributáveis, isentos ou ainda tributáveis exclusivos na fonte, onde a soma total seja superior a 40 mil no ano de 2018.
  • Se em qualquer mês de 2018, o indivíduo obteve ganho de capital na alienação de direitos e bens, e for sujeito à incidência do imposto ou ainda fez operações na bolsa de valores ou de mercadorias, entre outros associados, precisa declarar.
  • Se a receita bruta em 2018 for superior a 142 mil na atividade rural, também é preciso declarar imposto de renda.
  • Se houve posse de propriedade de direitos ou de bens até a data de 31 de dezembro de 2018, podendo ser “em terra nua”, no montante superior a 300 mil, também é obrigado a declarar imposto de renda em 2019.
  • A declaração é válida também para todo aquele que se tornou residente no Brasil em qualquer mês ou dia do ano de 2018.
  • Também precisa declarar IR todo aquele que escolheu pela isenção do imposto que incide no valor recolhido de venda de imóveis residenciais, onde o produto de venda é aplicado na aquisição do bem – desde que o mesmo imóvel esteja no Brasil com prazo de 180 dias a partir do contrato de venda.
  • Para os que optaram pela declaração do imposto de renda simplificada em 2019, se abre mão de todas as deduções na legislação tributária, bem como os gastos com saúde e educação, tendo direito a uma dedução de 20% sob o valor dos rendimentos tributáveis, sendo limitada a R$ 16.754,34. 

Faça sua declaração de imposto de renda

Valor da declaração do imposto de renda em 2019

O Governo não atualizou a tabela, e, portanto, o empreendedor precisará pagar 3,75% a mais no seu imposto de renda.

Isso ocorreu porque o Governo não atualizou os principais descontos que poderiam ser possíveis na saúde, educação e associados, nem tampouco corrigiu a tabela de quem precisa pagar imposto.

Assim sendo, a defasagem chega a 95,46% desde 1996, de acordo com o Sindifisco Nacional.

Quem pode ficar isento de pagar o imposto de renda 2019?

A isenção hoje só é permitida para aqueles que recebe menos de R$1.903,99 no mês. Mas a maioria concorda que deveria ser mesmo para aqueles que ganham menos de 4 mil reais no mês.

Novidades no imposto de renda 2019

  • Neste ano o CPF do dependente de qualquer idade será exigido.
  • Detalhes sobre imóveis e carros, bem como matrícula e IPTU do imóvel e do Renavam precisarão ser colocados. (Este ano ainda é opcional, porém indicado que seja declarado).

Como declarar o imposto de renda em 2019?

Fale conosco e ficaremos muito felizes em poder ajudar nessa assessoria de tão grande importância para si e seus negócios!

 

Fale com a brasct por whatsApp


Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.